Dilema.....

Olá !

Ainda está aí alguém???? I hope so....

É certo que tenho andado desaparecida,sim, mas ainda estou viva e bem viva....
Venho aqui partilhar convosco um dilema, e gostaria que me dessem alguns conselhos/sugestões...
Sinto uma enorme necessidade de alcançar os meus objetivos, de voltar a começar de novo... Mas o que é certo é que tenho medo, receio de falhar (mais uma vez).... É também certo que sou uma lutadora (eu sei que sou) e como boa lutadora só estou saciada quando conseguir o que pretendo.. Portanto é tentar, tentar, tentar até conseguir....Como prova disso, tenho o exemplo do meu trabalho, tive 4 anos praticamente, sem conseguir arranjar trabalho, em que só conseguia arranjar trabalhos precários e agora estou à 7 meses numa empresa, onde dedico todo o meu empenho, todo o valor que posso dar...Chegou a ser desgastante mas consegui!!!!

E, agora, tudo o que anseio é ter o meu cantinho, ter o meu ninho...e estou neste grande dilema em que não sei se devo arriscar, se valerá a pena os sacrificios visto que só sozinha...e terei que fazer muitos sacrificios.. Mas sinto que é para o meu bem estar!!!! E preciso tanto tanto do meu ninho... É Sinceramente não sei, não sei...O que me aconselham? Alguma de vocês vive sozinha? Que faço????


Comentários

  1. Olá Inês, sou divorciada e vivo com os meus dois filhos, ele no 7º e ela no 4º ano. Ganho pouco mais que o ordenado minimo e fiquei com a casa onde viviamos, logo fiquei tambem com o emprestimo bancário. Não é fácil não, é duro mesmo mas temos conseguido levar a vida certinha e direitinha. Gosto deste nosso canto e das nossas rotinas, mas há alturas em que o desespero me invade, só que a vida é mesmo assim e tudo se consegue! :)
    Beijinhos e boa decisão.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Maria, obrigada pela tua resposta...pois eu sei que é muito dificil daí o meu dilema, mas com certeza que muitas vezes compensa...
      Quando eu me separei fui obrigada voltar para casa dos meus pais e à muito tempo que não está a ser nada fácil, muitas vezes nem consigo respirar... Beijinhos e obrigada pelo teu testemunho :)

      Eliminar
  2. Tens que pensar muito bem no acréscimo de despesas que vais ter, água, luz, gás, etc... e sabes que sempre que precisares tens quem fique com o teu filhote, por outro lado, é outra a liberdade que passarás a ter, sem teres que justificar todos os passos que dás, quando e com quem. Pensa bem e decide o que achares melhor para ti e para o teu filho.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares